AIDS e a vida


Depois Daquela Viagem - de Valéria Polizzi - foi um dos primeiros livros que li na adolescência.

Conta a história de uma jovem que contraiu HIV aos 16 anos.

Nessa entrevista, de 2014, já tinha 27 anos que ela convivia com a doença. Hoje, mais de 30 anos.

Ela está viva. Com AIDS. A carga de remédios é alta, a depressão está presente e considera que o preconceito faz com que as pessoas mantenham a doença em segredo.

Uma reflexão.

Assista ao vídeo, reflita:

https://noticias.r7.com/saude/videos/mulher-com-aids-ha-27-anos-diz-se-usasse-camisinha-minha-vida-seria-diferente-16102015

#Informação #Achados #Depressão #Doençascrônicas #CristinaDallaNora

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo